Pacientes do Delphina Aziz são transferidos para outros hospitais de Manaus

Por Portal do Holanda

30/03/2020 9h28 — em Amazonas

Foto: Michell Mello/Secom

Manaus/AM - Com o Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz passando a ser exclusivo no atendimento de casos graves do novo coronavírus, pacientes que já estavam internados na unidade estão sendo transferidos para outros hospitais em Manaus. O atendimento será restrito a pessoas com casos confirmados ou suspeitos da Covid-19 que estiverem em situação grave. As transferências iniciaram na segunda-feira (23) passada. 

A direção do Delphina Aziz esclarece à população que os pacientes remanejados para outros hospitais da capital estavam internados em recuperação pós-cirúrgica ou em decorrência de diversas doenças, como cardiopatias e outros problemas de saúde crônicos. A desocupação permite deixar o hospital exclusivo para atendimento da Covid-19.

“Os pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), principalmente na adulta, já foram todos transferidos, e hoje a gente está em processo de transferência dos pacientes internados na enfermaria, principalmente os da clínica médica. A gente já fez a transferência de mais de 60% dos pacientes da clínica médica, então restam poucos pacientes ainda a serem transferidos”, explicou a diretora técnica do Delphina Aziz, a infectologista Mayla Borba.

Segundo ela, as transferências são realizadas para diferentes hospitais de apoio na capital, de acordo com a disponibilidade de leitos. “Conforme a unidade tiver leito, a gente faz a transferência do paciente. A gente está enviando para todas as unidades, HPS 28 de Agosto, João Lúcio, Adriano Jorge, todas as unidades têm nos ajudado nessa transferência dos pacientes”, acrescentou a diretora técnica.

Internações

Segundo dados divulgados pelas Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) no domingo (29), o Amazonas tem registro de 140 casos confirmados do novo coronavírus no estado. Desses, 21 estão internados em hospitais da capital, sendo 16 em unidades da rede privada (seis deles em UTI) e cinco no Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz (quatro em UTI).


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas