Influencer de Manaus pede desculpas por ir à festa de herdeiro do Baratão

Por Portal do Holanda

22/04/2021 21h51 — em Manaus

Foto: Reprodução/Instagram

A blogueira Raphaela Moura ressurgiu nesta quinta-feira (22), quase um mês após ser flagrada na festa clandestina de aniversário de Edilson Rufino Filho, filho do dono da rede de supermercados Baratão da Carne.

 “O pedido de desculpas poderia ter imediatamente acontecido, mas pra mim não faria sentido se eu não pudesse analisar o que aconteceu, mudar e com calma e paciência saber separar até onde é o meu erro e o que era na verdade puro ódio, com o objetivo de me ferir", disse ela, explicando o motivo de não ter se desculpado antes. 

"Sim, eu me arrependo muito, gostaria de pedir desculpas por todas as pessoas que eu coloquei em risco, escolhendo estar em um momento com meus amigos, todo mundo não só colocando a própria vida em risco, mas a de outras pessoas que não estavam naquele local, mas que por algum contato, mínimo descuido, poderiam ser infectadas pela irresponsabilidade de todo mundo. [...]  Se revoltar é esperado, é realmente revoltante, eu entendo, em momento nenhum eu quis me isentar dessa responsabilidade, não quero justificar meu erro, eu errei…”, afirmou. 

 

 

Conhecida também como “Quanto foi?”, a influencer amazonense já foi destaque no Instagram de Anitta no Halloween de 2017, quando a cantora compartilhou uma foto sua usando um look inspirado em um de seus clipes.

Ela foi reconhecida por internautas em vídeos da festa que ocorreu em meio à pandemia. O festejo de luxo contou com pessoas aglomeradas, sem máscara ou distanciamento, e uma atração nacional do funk.

Na ocasião, Raphaela sumiu das redes sociais ao ser “cancelada”, recebendo uma chuva de críticas e até pedidos de boicote, para que marcas deixassem de patrocinar influencers que dão mau exemplo na pandemia.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus