Descobertas podem provar a existência de gigantes na África e Europa

Por Portal do Holanda

10/05/2021 10h08 — em Curiosidades

Foto: Divulgação / esqueleto encontrado na Búlgaria

Se você assistiu ao filme Terra de Gigantes não vai se surpreender com esses achados fascinantes indicando a existência deles na vida real.

Vários povos pelo mundo têm registros orais e algumas pegadas e sinais que reforçam a tese da existência dos gigantes na Terra, há séculos. Nos últimos 200 anos, restos de esqueletos ou pegadas fossilizadas vêm mostrando que histórias de gigantes não estão só na esfera de lendas e nem no cinema.

Na cidade de Mpaluzi, na África do Sul, foi descoberta uma pegada de 1,2 metros de comprimento que combina perfeitamente com um pé humano. Denominada de “Pegada de Goliath”, estima-se que tenha entre 200 milhões a três bilhões de ano e gerou e ainda gera muitos debates.

Em 1925, houve a descoberta de uma pegada de 2,5 metros, perto de San Jose, no rancho John Bunting.

Na mesma dimensão, em 1926, o jornal norte-americano The Oakland Tribune publicou uma história sobre pegadas de 1,5 metros em cima de um penhasco em San Jose, Califórnia.

Pegadas descobertas

Especialistas entendem que, se essas pegadas forem mesmo genuínas, são o sinal de que a história da humanidade na Terra deve ser reescrita, pois indicam que os seres humanos já viveram com os chamados gigantes.

Em Varna, na Bulgária moderna, a cidade grega de Odessos, guarda uma mitologia de que no local era comum a existência dos gigantes. Para confirmar a mitologia, o achado de um esqueleto humano gigante foi feito em janeiro de 2015.

A descoberta aconteceu quando estavam cavando na área e encontraram um frasco indicando ser do quinto século. Os trabalhos de busca demonstraram uma parede de uma fortaleza, que depois revelou os alicerces do achado espetacular: Um esqueleto com as mãos colocadas na cintura e a cabeça virada para o leste, com dimensões acima do comum.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Curiosidades