Siga o Portal do Holanda

Amigo de Bolsonaro

STF suspende nomeação de Ramagem para cargo de diretor-geral da PF

Publicado

em

Foto:  Valter Campanato/Agência Brasil Foto:  Valter Campanato/Agência Brasil
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Deputados da ‘lista vazada’ temem busca em gabinetes


O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu a nomeação de Alexandre Ramagem para o cargo de diretor-geral da PF.

A decisão é provisória e atende a uma ação do PDT. Ramagem é amigo pessoal da família do presidente Jair Bolsonaro, que exonerou o então diretor-geral da PF, Maurício Valeixo.

“Em tese, apresenta-se viável a ocorrência de desvio de finalidade do ato presidencial de nomeação do Diretor da Polícia Federal, em inobservância aos princípios constitucionais da impessoalidade, da moralidade e do interesse público", afirmou Moraes na decisão.

O ministro levou em consideração a decisão do ministro Celso de Mello, que autorizou um inquérito para apurar as acusações de Sérgio Moro contra o presidente. Em seu anúncio de saída do governo, Moro afirmou que Bolsonaro quis intervir nas investigações da PF. 




Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.