Siga o Portal do Holanda

Saúde e Bem-estar

Droga para artrite reumatoide passará a ser distribuída no SUS

Publicado

em

Foto: Reprodução Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A droga Xeljanz, da farmacêutica Pfizer , usada para tratamento de artrite reumatoide ativa moderada à grave, fse a incorporou em a lista de mremédiosde o SUS.A artrite reumatoide é uma enfermidade autoimune, inflamatória, sistêmica e crônica. No Brasil, um estudo de 2004 mostrou preponderância de 0,46%, encarnando quase um milhão de pessoas com essa enfermidade. A incidência da artrite reumatoide amplia com a idade e atinge mais pessoas entre 30 e 50 anos. O sexo feminino é o mais acometido pela enfermidade — cerca de duas a três vezes em relação ao sexo masculino. 20% a 30% das pessoas com artrite reumatoide ficam permanentemente incapazes de realizar suas, se não forem tratadas atividades, após três anos do diagnóstico.

Pfizer é uma companhia farmacêutica multinacional com sede em Nova Iorque, Estados Unidos. Pfizer é inc..

Se publicou a resolução em o ” Diário Oficial da União ” em a última semana. Em 180 dias, a partir da data da publicação, a droga já tem que estar disponível.

Pessoas com artrite reumatoide que não exibiram melhora com tratamentos já disponíveis no SUS poderão contar com mais um remédio para tratamento na rede pública de saúde. Mais de dois anos após ser aprovado para utilização no Brasil pela Anvisa, se incorporou o citrato de tofacitinibe a o rol de remédios disponibilizados para a população, em esta quinta-feira, com a publicação de a medida em o Diário Oficial da União. O SUS tem até 180 dias para disponibilizar o remédio em todo o país.

Menciona-se o remédio para pacientes que não responderam de forma adequada a uma ou mais drogas destinadas em a remissão de a enfermidade que é uma condição inflamatória crônica que ataca as articulações,.

Fonte: FolhaGeneric.

O preço do agrado do governo aos policiais

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.