Compartilhe este texto

Estados e capitais planejam volta às aulas presenciais; alguns querem retornar no mês que vem

Por Portal do Holanda

07/06/2020 4h21 — em
Coronavírus


Foto: Pixabay

As aulas presenciais na maioria das cidades brasileiras foram suspensas em março para evitar a propagação do novo coronavírus. A opção foi adotar o ensino à distância para não prejudicar os estudantes. O Ministério da Educação autorizou que essa modalidade de estudo conte como dias letivos. Mas algumas cidades e até estados estudam o retorno presencial das atividades já no mês que vem.


Na capital do Rio de Janeiro, a ideia da prefeitura é que no dia 2 de julho, as creches para crianças a partir de 2 anos estejam abertas. Se a retomada gradual das escolas der certo, a cada 15 dias, outros níveis de ensino voltarão a funcionar. Assim, em 16 de agosto, todos estarão liberados, incluindo universidades.


Em todo o estado do Amazonas, a previsão é que em 6 de julho voltem as aulas em creches, escolas e universidades particulares. Mas ainda não há uma data para o retorno das instituições públicas de ensino.


Já o governo do Tocantins estuda um plano de retomada das atividades presenciais para alunos do terceiro ano do ensino médio no dia 3 de agosto. Lá, a ideia é que em uma semana metade das turmas participe de forma presencial das aulas e o restante à distância. Se a medida der certo, será ampliada para todas as etapas de ensino até 31 de agosto.


A secretária de Educação do Tocantins, Adriana Aguiar, detalha as medidas que serão tomadas para o retorno das aulas.


No Ceará, as escolas particulares queriam o retorno presencial agora em junho. Mas o governo ainda não tem uma data definida.


Em uma rede social, o governador do Maranhão, Flávio Dino, afirmou que, na próxima semana, deve avaliar quando será o retorno presencial dos estudantes.

 

Mas o que a maioria dos governadores sinaliza é que as aulas presenciais voltem de forma gradual a partir de agosto.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: - manaus-amazonas, Amazonas, Brasil, pandemia, quando voltará aulas, retorno, vollta as aulas, Amazonas, Coronavírus

+ Coronavírus