TCE julga embargo do ex-prefeito de Iranduba, Xinaik Medeiros

Por Portal do Holanda

16/03/2016 10h30 — em Amazonas

O pleno do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) julganesta quarta-feira (16), 31 processos, entre eles estão 11 prestações de contas e um embargo de declaração impetrado pelo ex-prefeito de Iranduba, Xinaik Medeiros, no qual questiona a decisão do colegiado que reprovou as contas dele, em novembro passado, e determinou que devolvesse aos cofres públicos R$ 21 milhões por mais de 50 irregularidade encontradas na prestação de contas do ano de 2014.

Entre as prestações de contas que serão apreciadas pelo colegiado estão a do diretor-presidente da Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas, exercício 2013, Nelson Abrahim Fraiji; da secretária municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Kátia Helena Serafina Cruz, referente ao exercício de 2014; da diretora-presidente do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), exercício de 2014, Joésia Moreira Julião Pacheco; do presidente da Câmara Municipal de Ipixuna, exercício de 2014, César Augusto Farias de Oliveira; do diretor-presidente da Fundação Amazonprev Silvestre de Castro Filho, referente ao exercício de 2014; da diretora-geral do Hospital de Isolamento Chapot Prevost, exercício de 2014, Sandra Lúcia Loureiro e Queiroz; e do ex-prefeito do município de Nhamundá Paulo Castro de Albuquerque, referente ao exercício de 2004.

Ainda constam na pauta três recursos, interpostos por jurisdicionados do TCE, em face de algumas decisões tomadas pela Corte de Contas, e ainda nove representações.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas