Babá de Henry foi instruída a dar entrevista antes de falar com a polícia

Por Portal do Holanda

09/04/2021 10h40 — em Brasil

Henry fazia perguntas estranhas, diz babá - Foto: Redes Sociais

A Babá e a doméstica que trabalham na casa de Monique Medeiros e do vereador Dr. Jairinho contaram para a polícia que foram orientadas a conceder uma entrevista sobre o convívio da família e a morte de Henry à uma emissora de TV antes de prestarem seus depoimentos na delegacia.

De acordo com a CNN, antes de conversar com o repórter, o advogado da família fez uma série de perguntas a elas. Minutos depois, exatamente os mesmos questionamentos foram feitos novamente pelo jornalista. 

No depoimento aos policiais Thayna falou sobre Henry e o comportamento dele com o padrasto. A mulher, que avisou a mãe sobre a suspeita de tortura do vereador contra o filho, falou que a criança era “perfeita” e que não podia se aprofundar sobre a relação dos dois porque tinha presenciado poucas cenas deles juntos.

Mas um fato chamou a atenção, ela revelou que Henry fazia esporadicamente alguns perguntas curiosas como o fato de perguntar “de quem é a bunda da minha mãe?” e ou ainda indagar sobre o porquê das pessoas se separarem. 

Questionada sobre marcas no corpo da criança, ela falou que nunca encontrou nenhuma enquanto dava banho nela. Porém, prints de uma conversa entre ela e Monique no dia 26 de fevereiro, onde a mesma contava que Jairinho se trancou no quarto com Henry e que a vítima teria gritado por ela, Thayna afirma que o menino se queixou de dor no joelho. 

E no mesmo trecho envia uma foto da área do corpo do menino com um hematoma. 

A cozinheira da casa também falou com a imprensa no dia do depoimento, mas negou ter visto ou percebido qualquer coisa diferente no comportamento do vereador.

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil