Compartilhe este texto

Lutador de MMA suspeito de agredir e ameaçar cantora diz que "agressões eram normais"

Por Portal Do Holanda

21/05/2024 11h28 — em
Policial


Delegada Patrícia Leão - Foto: Jander Robson/Portal do Holanda

Manaus/AM - A polícia falou, na manhã de hoje (21), sobre a prisão do lutador de MMA, Thiago de Melo, 34, suspeito de agredir e ameaçar com uma faca a ex-namorada, a cantora Jhenifer Borher, 31. Durante a prisão, o homem chegou a dizer que as agressões eram "normais".

A delegada Patrícia Leão conta que as agressões ocorreram no dia 5 de maio, dentro do apartamento da cantora. Na ocasião, Jhenifer sofreu vários hematomas pelo corpo e disse que só não foi morta pelo lutador porque seus gritos chamaram a atenção dos vizinhos e do porteiro do prédio.

Foto: DIvulgação

“Eles saíam de um aniversário e a discussão já começou no trajeto da festa até à residência da vítima. Dentro da residência as agressões só se intensificaram. O que salvou a vítima foram os vizinhos que ouviram ela gritando, pedindo por ajuda e eles acionaram o porteiro, que foi até lá e se deparou com essa situação”.

Ao registrar o boletim de ocorrência no dia seguinte, a cantora contou que já tinha sofrido outros episódios de violência doméstica por parte de Thiago e que fez até curso de defesa pessoal para se defender dele.

Delegados - Foto: Jander Robson/Portal do Holanda

“Ela já tinha uma medida protetiva anterior, ela inclusive fala que se arrepende de ter dado uma segunda oportunidade para ele (...) Ela fala que fez curso de defesa pessoal justamente para se defender dele”.

Após a denúncia, Thiago fugiu e só foi preso nesta segunda-feira ao se entregar por conta da ampla repercussão do caso na imprensa local. 

Em depoimento, ele disse que as brigas entre ele e Jhenifer sempre existiram e relatou que “agressões entre eles eram normais”. O lutador conta que no dia 5 de maio, ele também foi agredido pela cantora durante a confusão.

Thiago foi enquadrado na Lei Maria da Penha e vai responder por violência doméstica, incluindo a quebra da medida protetiva que a ex-namorada tinha contra ele.

 


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Policial

+ Policial