Pesquisador recebe prêmio por estudo para reutilização de resíduos cerâmicos

Por

12/03/2012 17h04 — em Manaus


O egresso do curso de Engenharia Civil da Unesc Pablo Cardoso Jacoby recebe nesta terça-feira o prêmio Odebrecht - Contribuições da Engenharia para o Desenvolvimento Sustentável. Jacoby estudou a utilização da lama, que é resíduo do processo de polimento do porcelanato, na fabricação de materiais de construção à base de cimento. Os resultados mostraram um aumento na resistência desses materiais. A cerimônia de premiação será realizada no Rio de Janeiro.

 

O prêmio tem como objetivo reconhecer e incentivar os jovens universitários que se propõem a pensar a engenharia em uma perspectiva sustentável. Foram selecionadas cinco pesquisas, sendo que os outros quatro trabalhos são oriundos de universidades federais.

 

Nesta quarta edição a pesquisa de iniciação científica desenvolvida por Jacoby conquistou o segundo lugar na premiação, com a orientação do professor Fernando Pelisser, que pela segunda vez estará presente no prêmio. Os dois foram premiados pelo trabalho “Utilização do Resíduo do Polimento de Porcelanato na Produção de Materiais Cimentícios”. Em 2008 o aluno Tiago Arent Longo foi selecionado juntamente com o professor Pelisser.

NULL