‘Peixe Popular’ inicia circulação nos bairros no dia 3 de abril

Por

31/03/2012 11h26 — em Manaus

O Governo do Amazonas esclarece o funcionamento dos projetos ‘Tenda do Pescado’ e ‘Peixe Popular’, mantidos pela Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror).

Os projetos têm o objetivo de oferecer peixes regionais com preços mais acessíveis para atender a população do Estado durante a Semana Santa. Os dois projetos funcionam de maneira distinta e em locais diferentes, alcançando, assim, o maior número de pessoas possível.

 
A ‘Tenda do Pescado’, que foi inaugurada neste sábado, 31 de março, em frente à Arena da Amazônia, na avenida Constantino Nery, oferece à população peixes, como o tambaqui, matrinxã, pirarucu, quelônios e o Bacalhau da Amazônia. O valor do quilo dos produtos sai, em média, R$ 2 mais barato que os preços praticados pelo mercado local.

 
A ‘Tenda do Pescado’ funcionará até o dia 7 de abril, das 7h às 20h. Os valores do tambaqui variam de R$ 6 a R$ 9, dependendo do tamanho. Já o quilo do matrinxã será de R$ 8 a R$ 9. O pirarucu será comercializado de R$ 5 a R$ 35, o quilo, e o Bacalhau da Amazônia terá os valores do quilo variando de R$ 20 a R$ 40.
 

No espaço da ‘Tenda do Pescado’ não são comercializados os peixes do projeto ‘Peixe Popular’, que funciona em caminhões onde o peixe é comercializado pelo valor de R$ 1, o quilo, diretamente nos bairros de Manaus e em alguns municípios da Região Metropolitana de Manaus (RMM). Os caminhões do ‘Peixe Popular’ começam a circular a partir da próxima terça-feira, 3 de abril, e vai percorrer os bairros Redenção, Jorge Teixeira, Compensa 2, São José 2, Colônia Antônio Aleixo, Jorge Teixeira 4ª Etapa e no Feirão da Sepror.

 
Iranduba e Vila de Balbina, em Presidente Figueiredo, também vão receber o caminhão do ‘Peixe Popular’, na próxima semana. Em Iranduba, o caminhão do ‘Peixe Popular’ ficará na Praça dos Três Poderes, a partir das 17hs. Na Vila de Balbina, em Presidente Figueiredo, o caminhão do ‘Peixe Popular’ ficará das 8h às 12h, em frente à rodoviária, e, a partir das 17hs, na Vila de Balbina, em frente à Associação de Moradores.

NULL

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus