Jerry Adriano chega para mais um show

Por

07/08/2012 16h05 — em Manaus

O foragido da Justiça  Jerry Adriano Teodósio, 29, que conseguiu deixar o Centro de Detenção Provisória de Manaus (CDPM), localizado no quilômetro 8 da Br 174 (Manaus/Boa Vista), pela porta da frente com alvará de soltura falso,  chegou a Manaus depois de ser preso em São Paulo.  Maria da Conceição Teodósio,  mãe de Jerry, que o libertou com alvarã falso, já está presa.  Ele foi recapturado por policiais da Delegacia Especializada em Roubos Furtos e Defraudações (Derfd),   na última sexta-feira, dia 3.


Além de Jerry Adriano, o seu comparsa Miguel Vicente de Souza, suspeito  de duplo latrocínio, ocorrido em abril do ano passado, que teve como vítimas o empresário coreano Hae Soo Chung e a esposa dele, Vanessa de Souza Loureiro, também deixou a cadeia com documento falso, mas já está preso.

De acordo delegado Orlando Amaral, Jerry Adriano  tem mandado de prisão preventiva expedido pela juíza Eulinete Melo Silva Tribuzy, da 11ª Vara Criminal.

Apresentação

No dia 17 de abril deste ano, Miguel Vicente, um dos beneficiados com o alvará falso, se apresentou na 4ª Vara Criminal, no Fórum Henoch Reis.

A mãe de Jerry Adriano, Maria Teodósio, foi presa em cumprimento a mandado de prisão, na sua casa localizada na rua 247, quadra 450, Nova Cidade, Zona Norte.

Nas Delegacia de Roubos e Furtos, a acusada disse que em uma das visitas ao Fórum Henoch Reis  conheceu um homem identificado como Israel Mendes, que se identificou como funcionário do fórum,e que teria lhe cobrado a quantia de R$ 22 mil  para resolver o problema de seu filho e do comparsa dele. Maria informou que não tinha essa quantia.

Em outro ida ao Fórum, ela disse ter sido abordada por outro homem que se identificou como Oficial de Justiça,   que lhe garantiu adquirir os alvarás de soltura para libertar Jerry e Miguel Vicente, pelo valor R$ 20 mil. A acusada informou que tinha conseguido apenas R$ 7.800.

NULL

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus