Advogado faz relato após perder irmãos para Covid: '59º na lista de espera'

Por Portal do Holanda

21/01/2021 18h23 — em Manaus

Família do advogado Amaury Andreoletti - Foto: Arquivo Pessoal

Manaus/AM - O advogado Amaury Andreoletti perdeu dois irmãos para a Covid-19. Além do impacto emocional, a família também foi impactada financeiramente com uma dívida de R$ 180 mil em um hospital particular por não conseguir leito na unidade de saúde pública para uma das vítimas. 

Ao BBC News Brasil, o advogado relatou que contraiu a doença, ficou quatro dias internados e ao se recuperar, a mãe e os dois irmãos foram hospitalizados com Covid. A mãe teve alta após duas semanas no Delphina Aziz. A irmã que estava internada na UTI na unidade não resistiu. 

O segundo irmão, que não conseguiu internação no público e estava internado em um hospital particular, morreu quatro dias depois. Ainda segundo a publicação, o valor das diárias na UTI é de R$ 10 mil. 

"Meu irmão era o 59º na lista de espera do Estado. Ficamos aguardando, meu irmão esperando um leito, e o quadro só se agravando. No dia 30, conseguimos um leito para ele em um hospital particular. Eu tinha ido a todos os hospitais e nenhum tinha vagas. Quando essa apareceu, tivemos que fazer o esforço para colocar ele lá", contou à BBC News Brasil. 

A luta financeira da família não é um caso isolado na capital. A reportagem ouviu relatos de médicos e pacientes que afirmaram que os hospitais da rede privada tem cobrado antecipadamente o valor, entre R$ 50 mil e R$ 100 mil, dos familiares de pacientes com o novo coronavírus. 

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus