Siga o Portal do Holanda

Brasil

Bolsonaro veta saque do FGTS aos trabalhadores de companhias aéreas durante pandemia

Publicado

em

Foto: Reprodução/Twitter Foto: Reprodução/Twitter
Foto: Reprodução/Twitter

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vetou um dispositivo na Medida Provisória (MP) de socorro às empresas aéreas que permitiria aos trabalhadores da classe sacarem o FGTS (Fundo Garantia do Tempo de Serviço). A MP garantia o saque para aqueles que tiveram os seus contratos suspensos ou salários reduzidos durante a pandemia do coronavírus.

O governo alega que a medida é prejudicial “não só os novos investimentos a serem contratados em habitação popular, saneamento básico e infraestrutura urbana, mas também a continuidade daqueles já pactuados, trazendo impactos significativos nas diretrizes de políticas de desenvolvimento urbano”. A decisão também afirma que o pleito não foi atendido porque trata-se de benefício a um setor específico, não estendido a outros segmentos impactados pela Covid-19. Conforme informações divulgadas pela Folha de São Paulo.

A medida pretendia apoiar as companhias aéreas, que viram uma queda brusca em suas receitas por causa da redução de fluxo de viagens em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

 

+ Brasil

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.