Estudo revela que metade da população tem fetiches "anormais" na hora H

Por Portal do Holanda

14/03/2016 19h22 — em Saúde e Bem-estar

Metade da população mundial tem gostos peculiares em relações sexuais, o estudo da University of Quebec descobriu que 500 em 1.000 expressaram o desejo por atividades sexuais "anormais"

As pessoas andam interessadas em fetichismo (um foco em objetos específicos, partes não erógenas do corpo, etc), masoquismo (passar por humilhação ou sofrimento), voyeurismo (observar pessoas transando) e frotteurismo (tocar em indivíduos sem o seu consentimento).

Dos indivíduos que participaram da pesquisa, 19% estava interessados em masoquismo, 35% gostam de voyeurismo e 26% prefere o frotteurismo.

O professor Christian Joyal, da University of Quebec diz: “Em geral, quase metade dos nossos participantes estava interessada em pelo menos um tipo de comportamento sexual considerado anormal; um terço dos participantes (33%) já havia experimentado um destes comportamentos ao menos uma vez”.

Esses fatos sugerem que precisamos saber quais práticas sexuais são normais antes de rotulá-las como anômalas.

“Alguns interesses são muito mais comuns do que as pessoas imaginam, não só em termos de fantasias, mas também em termos de desejos e comportamentos” finalizou.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Saúde e Bem-estar