Em Manaus, agricultura familiar tem campanha para dar visibilidade a seus agentes

Por Portal do Holanda

04/10/2019 13h07 — em Amazonas

Com apoio da Secretaria Estadual de Produção Rural (Sepror), a Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Estado (Fettragri-Am), lançou na quinta-feira, dia 3, durante a programação da 41ª Feira e Exposição Agropecuária do Estado do Amazonas (Expoagro) a Década da Agricultura Familiar no Amazonas.

Obter visibilidade e reconhecimento para quem trabalha na agricultura familiar é meta da 'Década'

O evento, que reuniu autoridades e sociedade civil, tem por objetivo dar visibilidade e reconhecimento ao papel dos agricultores e agricultoras familiares, e instituir políticas públicas que fortaleçam a agricultura familiar. Além disso, objetiva produzir mais alimentos para a soberania alimentar nutricional e promover o desenvolvimento sustentável dos territórios rurais.

Para o titular da Sepror, Petrucio Magalhães Júnior, o espírito é de total integração, no intuito de sair das secretarias e conversar com os demais órgãos, em busca de parcerias para o setor primário. “Se a gente melhorar a agricultura familiar, conseguimos conservar a floresta, também a biodiversidade. É investindo no agricultor que nós vamos garantir a sustentabilidade. Eles, os agricultores familiares, são os maiores defensores da floresta”, destacou.

Expoagro ajuda

Para o secretário de Formação e Organização da Contag, Carlos Augusto, a iniciativa do governo do Estado, por meio da Sepror, em retomar a Expoagro é um ato que contribui com o objetivo do lançamento da Década.

A Década da Agricultura Familiar foi aprovada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 20 de dezembro de 2017. Para a coordenação das ações, foi criado o Comitê Mundial de Planificação, em Roma, no qual a Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (Contag) está envolvida nesse processo desde o princípio.

Em 29 de maio de 2019, foi lançada oficialmente a Década da Agricultura Familiar e o seu Plano de Ação Global, em Roma. Na América Latina, o lançamento foi realizado no final de agosto, na República Dominicana.

Foto: Divulgação/Sepror