Sem agasalho, seleção esconde patrocinador do COB e causa problema

Por Portal do Holanda

07/08/2021 23h00 — em Olimpíadas 2021

Foto: LibertadoresBR

A seleção brasileira de futebol derrotou a Espanha na final das Olimpíadas de Tóquio neste sábado (7), e conquistou o ouro, porém causou um climão ao subir no pódio.

Há um acordo onde os atletas da delegação brasileira que subissem ao pódio, usassem roupas  da Peak, companhia chinesa que patrocina o Comitê Olímpico do Brasil (COB). Atletas de outros esportes que também conquistaram medalha cumpriram o acordo, menos o time do futebol masculino.

Os jogadores subiram com a camisa na Nike, e os casacos onde estava a marca da Peak ficou amarrado na cintura, escondendo o patrocinador.  O COB considerou o comportamento uma violação das regras. 

A Nike não renovou contrato com a CBF depois da Rio-2016. O valor do contrato da empresa chinesa com o COB não foi divulgado. De acordo com o blog Olhar Olímpico, do UOL, o acordo não envolve dinheiro, mas o fornecimento dos uniformes.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Olimpíadas 2021