Jornalistas do Grupo Globo deixam plantão no Alvorada por falta de segurança

Por Portal do Holanda

25/05/2020 21h05 — em Brasil

Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil

O Grupo Globo anunciou nesta segunda-feira (25), que por falta de segurança, decidiu que seus jornalistas não vão fazer mais plantão na saída do Palácio da Alvorada.

De acordo com a emissora, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro que ficam lado a lado com os jornalistas têm insultado de forma cada vez mais agressiva os profissionais de imprensa, não só da Globo como de todos os outros veículos.

Confira a carta na íntegra:

Ao cumprimentar V.Exa., trazemos ao conhecimento desse Gabinete uma questão que envolve a segurança da cobertura jornalística no Palácio da Alvorada. É público que o Senhor Presidente da República na saída, e muitas vezes no retorno ao Palácio, desce do carro e dá entrevistas bem como cumprimenta simpatizantes. Este fato fez vários meios de comunicação deslocarem para lá equipes de reportagem no intuito de fazer a cobertura.

Entretanto são muitos os insultos e os apupos que os nossos profissionais vêm sofrendo dia a dia por parte dos militantes que ali se encontram, sem qualquer segurança para o trabalho jornalístico.

Estas agressões vêm crescendo.

Assim informamos por meio desta que a partir de hoje nossos repórteres, que têm como incumbência cobrir o Palácio da Alvorada, não mais comparecerão àquele local na parte externa destinada à imprensa.

Com a responsabilidade que temos com nossos colaboradores, e não havendo segurança para o trabalho, tivemos que tomar essa decisão.

Respeitosamente,

Paulo Tonet Camargo

Vice-Presidente de Relações Institucionais

Grupo Globo