Compartilhe este texto

Polícia vai analisar celular de ex da Djidja, Bruno Roberto, suspeito de integrar seita

Por Portal Do Holanda

10/06/2024 17h02 — em
Amazonas


 Foto: Divulgação

Manaus/AM - A polícia informou, nesta segunda-feira (10), que vai analisar o celular de Bruno Roberto, ex-namorado de Djidja Cardoso. Ele aparece em alguns vídeos presenciando a ex-sinhazinha sob efeitos de Ketamina.

“Ele chegou a relatar que teria ido para casa da Djidja, segundo ele, para fins de auxiliar ela a sair daquele mundo das drogas. Agora a gente tá em posse do aparelho telefônico dele e vamos avaliar todo o conjunto de dados residentes. Uma análise preliminar já é suficiente para apontar a participação dele, justamente na facilitação da compra desse tipo de material. Inclusive alguns vídeos que comprovam ele assistindo ela naquela situação deplorável”, disse o delegado Cícero Túlio, titular do 1ºDIP.

Bruno é suspeito de integrar a seita “Pai, Mãe, Vida”, em que a família de Djidja participava com rituais que incluíam aplicação de Ketamina (Cetamina). Segundo a polícia, uma conversa encontrada no celular de Bruno mostra que ele se intitula “Jesus Cristo”. 

Leia mais sobre o caso:

Gerente do Belle Femme era o 'Espírito Santo' em seita e ex de Djidja 'outro Jesus'

Irmão de Djidja conheceu Ketamina em viagem a Londres para tratamento contra drogas

Caso Djidja: Maquiadora pode voltar a cumprir pena em presídio de Manaus

Ex-namorado de Djidja e coach são presos em Manaus

Novos exames devem revelar se Djidja morreu por uso de Ketamina, diz polícia

Salão de Djidja tem registro de atividade veterinária que pode ter facilitado compra de droga

Polícia vai divulgar novas informações sobre caso Djidja e morte de idosa nesta sexta-feira

Maquiadora fala sobre envolvimento com família de Djidja: 'não existe seita'

Defesa revela motivo do ex-namorado ter abandonado carro de Djidja

BO de pai de vítima deu início às investigações sobre seita antes da morte de Djidja

Veterinário suspeito de vender ketamina à família de Djidja pode ter registro cassado, diz CRMV

Maquiadora de Djidja ficará em prisão domiciliar; saiba motivo

Revelado quem abandonou carro de Djidja Cardoso 1 dia após sua morte em Manaus

Caso Djidja: Personal não tem formação para atuar na profissão, diz Apefam

Advogada da família Cardoso diz que sabia que o carro de Djidja estava abandonado em Manaus

Caso Djidja: Representantes do MAPA prestam informações sobre distribuição de ketamina

Personal diz que presenciou reunião de seita de Djidja e que se assustou ao ver estado da família


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Amazonas

+ Amazonas