Documentos apontam falhas em salto que levou à morte de paraquedista; vídeo

Por Portal do Holanda

11/06/2021 15h10 — em Brasil

Jovem ficou pendurado e caiu após se desprender. Foto: Reprodução

Um ano após o acidente que deixou o paraquedista do Exército Pedro Lucas Ferreira Chaves, de 19 anos, morto, documentos obtidos pelo RJ1 mostram possíveis falhas em procedimentos que provocaram a morte.

 

 

O caso aconteceu em junho de 2020, durante o salto de treinamento da Brigada de Infantaria Paraquedista, no Campo dos Afonsos, Zona Oeste do Rio. O equipamento usado pelo militar ficou preso no avião e ele acabou caindo.

O Exército abriu um inquérito policial militar para apurar as causas da morte do soldado. As investigações duraram cerca de dois meses até que fossem concluídas.

Neste período, testemunhas foram ouvidas e perícias foram feitas. E a conclusão é que não houve indícios de prática de crime militar. Ninguém foi considerado culpado.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil