Siga o Portal do Holanda

Acareação

Advogado diz que Mayc matou engenheiro Flávio e que ‘detalhes são irrelevantes’

Publicado

em

Foto: Reprodução Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Manaus/AM -  O advogado Josemar Berçot, que defende o lutador de MMA Mayc Vinicius Teixeira Parede, 37, contou que  seu cliente prestou depoimento na manhã desta quinta-feira (10) na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Berçot reclamou de alguns questionamentos da polícia e acredita que os mesmos não sejam de relevância para o caso. “Iniciamos uma nova fase das investigações que é as acareações. Hoje foi feita a primeira acareação entre o Mayc e o Magno.  A única coisa que eu tenho a dizer é que a polícia tenta colocar divergências pequenas como se fossem relevantes para o esclarecimento do caso”, reclamou.

O advogado voltou a ressaltar que seu cliente já assumiu a autoria do crime. Ele destacou que a morte do engenheiro ocorreu sem nenhuma motivação.

“O meu cliente já assumiu a autoria das facadas, quanto a isso não há divergência, e os detalhes são irrelevantes na opinião da defesa. A polícia tenta de alguma forma, por meio de pequenos detalhes, colocar como se ele estivesse mentindo, mas isso não vai prevalecer junto ao Ministério Público, tenho certeza disso. Eu realmente não posso comentar detalhes, o que posso dizer é apenas que ele assumiu, não é um crime com motivação, apenas aconteceu porque fugiu do controle dele”, comentou.

Berçot disse ainda, que seu cliente está arrependido e pediu desculpa à família do engenheiro Flávio Rodrigues e da sociedade. “No depoimento dele, o Mayc chorou e pediu perdão da família do Flávio e da sociedade como um todo. De fato os dois não se conheciam”, finalizou.

As mulheres no crime organizado: Sexo, dinheiro e morte

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.