Siga o Portal do Holanda

Policial

Celulares, drogas e dinheiro eram escondidos em tocas na UPP

Publicado

em



Manaus|AM - A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), realizou na manhã desta terça-feira (15), uma revista na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), com o apoio da Polícia Militar (PM). A ação contou com o efetivo de 210 pessoas, entre servidores da Seap, policiais militares e agentes penitenciários. Foram encontrados na unidade 78 celulares, 55 chips de diversas operadores, 132 gramas de substâncias entorpecentes, R$507. Além disso, alguns materiais fora do padrão foram retirados.




​A revista foi acompanhada pelo secretário de estado de Administração Penitenciária, Pedro Florêncio, o secretário executivo adjunto, Major Klinger Paiva e o comandante de policiamento especializado, Tenente Coronel Cleitman Coelho. Segundo Pedro Florêncio a revista extraordinária com o apoio das unidades do Comando de Policiamento Especializado (CPE), foi motivada pelos últimos acontecimentos na UPP: a tentativa de fuga de um interno, registrada no último domingo (13), e informações do Departamento de Inteligência Penitenciária (Dipen) sobre uma possível rebelião dos detentos da UPP, por conta da morte de Ian Miranda da Silva.

“Adotamos a revista com o apoio da PM porque a unidade registrou acontecimentos que justificaram a presença do Choque, Rocam, COE, e demais unidades do CPE. A ação possibilitou que fossem realizados vários procedimentos para organizar e disciplinar a UPP”, disse o secretário. Ele destacou que a Seap está adotando medidas mais rigorosas para as revistas durante os dias de visita. “Pretendemos atacar a origem do problema, pois esses materiais ilícitos só dão entrada nas unidades prisionais por duas formas: através de visitas ou facilitação por parte dos agentes. Vamos realizar procedimentos mais detalhados na parte externa e ao entrarem nas unidades”, explicou Pedro Florêncio.

 Todas as 11 galerias da unidade foram revistadas e no local foram encontrados também 155 ventiladores acima de 30 cm, dois fogões elétricos, 21 liquidificadores, uma caixa de som amplificada, cinco sanduicheiras, um bebedouro e 25 latões de tinta. Em algumas celas foram encontradas várias tocas, onde os presos escondiam boa parte dos materiais apreendidos.

MP-Am humilha em aeroporto mãe de indiciado

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.