Compartilhe este texto

Governo Lula pede que PL sobre aborto saia da pauta da Câmara: "Atiça violência"

Por Portal Do Holanda

10/06/2024 14h31 — em
Brasil


Foto: Arquivo/Agência Brasil

Desde a inclusão do Projeto de Lei que equipara o aborto acima de 22 semanas ao homícidio, a pauta tem gerado tumulto entre parlamentares e representantes do Estado. Nesta segunda-feira (10), por exemplo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pediu para que as votações a respeito não sejam colocadas na pauta da Casa. 

A orientação foi passada por Lula em reunião com as lideranças do governo hoje. O PL voltado para mudanças sobre delações premiadas também foi discutido no encontro. 

"Consideramos que esses projetos de lei não deveriam estar nesse momento na pauta prioritária da Câmara. [...] O governo vai entrar em campo para que a pauta da Câmara não seja em projetos que atiçam a beligerância, atiçam a violência política, para que se concentre nos assuntos econômicos e sociais do nosso país", afirmou hoje o ministro de Relações Institucionais, Alexandre Padilha. Segundo ele, o motivo seria o "clima beligerante" que as discussões geram. 

Ainda segundo Padilha, isso já teria sido passado por Lula às lideranças e deverá ser reforçado pelo líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE), na reunião de lideranças da Casa. "Qualquer projeto de lei que alimente esse clima de intolerância não deveria estar no centro das pautas", disse. 

De acordo com o ministro, o governo quer focar nas pautas econômicas e sociais.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Brasil

+ Brasil