Bastidores da Política - Sigilos e segredos do caso Adail


Sigilos e segredos do caso Adail

Por Raimundo Holanda

30/09/2019 20h25 — em Bastidores da Política

A desembargadora Carla Reis não apenas acatou o pedido de prorrogação da prisão do prefeito Adail Filho, de Coari, como determinou que o processo migrasse  de “sigilo absoluto” para o status de “segredo de Justiça”. Ora, o sigilo absoluto foi quebrado pelo Ministério Público na coletiva de quinta-feira, ao expor supostos crimes atribuídos ao prefeito sem  avaliar o impacto dessas revelações  para o  acusado, exposto a execração pública.

O segredo de justiça chega no  bojo de uma decisão que prorroga a prisão provisória (mais cinco dias),

Ora, se havia “sigilo absoluto”, como revela a magistrada na sua decisão desta segunda-feira,  então ao desvendar minuciosamente todo o seu conteúdo na coletiva de quinta-feira o MP exorbitou de suas funções.

Quanto a prorrogação da prisão, pedida pelo Ministério Público e acatada pela desembargadora, parece uma medida extrema.  Resta à defesa do  acusado recorrer  e ficar atenta   para que essa prisão não se transforme em preventiva, para deleite da opinião pública que parece estar ditando normas que vêm anulando regras fundamentais do direito neste pais.

Raimundo de Holanda é jornalista de Manaus. Passou pelo "O Jornal", "Jornal do Commercio", "A Notícia", "O Estado do Amazonas" e outros veículos de comunicação do Amazonas. Foi correspondente substituto do "Jornal do Brasil" em meados dos anos 80. Atualmente escreve a coluna Bastidores no Portal que leva seu nome.