Bastidores da Política - Noel no Palácio do governo do Amazonas, com uma árvore e 3 empresas no saco


Noel no Palácio do governo do Amazonas, com uma árvore e 3 empresas no saco

Por RAIMUNDO DE HOLANDA

12/12/2020 20h31 — em Bastidores da Política

  • Não é somente o valor da árvore que está em questão, é tambem o fato de as empresas terem sido escolhidas a dedo, com o governo ignorando uma das normas mais elementares do serviço público...

O “espirito"do Natal  invadiu o Palácio da  Governo. Papai Noel chegou para três empresas, que empurradas pelo bom velhinho driblaram o processo de licitação e foram escolhidas a dedo.para erguer uma árvore. de valor gigantesco: R$ 2 milhões. Muitas luzes vão acender, queimando o dinheiro do contribuinte. Afinal, é Natal, tempo de abraçar os amigos - os melhores amigos. O governador Wilson Lima deve abrir um champanhe na sua inauguração. Vai valer a pena assistir. 
Não é  somente o valor da árvore que está em questão, é também o fato de as empresas terem sido escolhidas a dedo, com o governo ignorando uma das normas mais elementares do serviço público : a melhor proposta, a mais vantajosa para o contribuinte e não para os burocratas,  e a menos onerosa para os cofres públicos. A isso se chama licitação, aberta a todos os interessados e não a um grupo  seleto de privilegiados.

PRESENTES PARA OS OLHOS VEREM

Na esteira do Natal, Papai Noel também elevou em 13% contratos com clínicas oftalmológicas,   e os renovou por mais 12 meses. Contratos também sem  licitação...

Raimundo de Holanda é jornalista de Manaus. Passou pelo "O Jornal", "Jornal do Commercio", "A Notícia", "O Estado do Amazonas" e outros veículos de comunicação do Amazonas. Foi correspondente substituto do "Jornal do Brasil" em meados dos anos 80. Atualmente escreve a coluna Bastidores no Portal que leva seu nome.