Grupo de hackers Anonymous cita Bolsonaro em post após ameaçar autoridades norte-americanas

Por Portal do Holanda

31/05/2020 17h08 — em Brasil

O grupo hacktivista Anonymous, que ressurgiu na internet na madrugada deste domingo (31) mandando recados às autoridades norte-americanas a respeito da morte de George Floyd, chegando a fazer graves acusações contra o presidente Donald Trump ao vazar uma lista de supostos envolvidos com tráfico infantil, citou o presidente brasileiro Jair Bolsonaro em um tuíte.

O perfil atribuído ao grupo, o @YourAnonCentral, tocou no assunto após receber pedidos de um internauta brasileiro para também fazer uma investigação a respeito do presidente do Brasil. 

"Algo que as pessoas devem olhar no Brasil é investigar se Bolsonaro tem algum vínculo com o traficante e estuprador de crianças John Casablancas, um associado próximo de Trump que atuou como proxy para os negócios de Trump no Brasil sob algum cargo obscuro e indefinido”, diz o post