Compartilhe este texto

Apetite sexual: O padre apaixonado e o ladrão de banheiro


Por Yasmin Feitosa

08/06/2022 22h10 — em
Amor, sexo e outros prazeres


Foto: Reprodução e ilustrativa: Pixabay

A cada dia que passa vemos que a liberdade para se expressar sexualmente está mais forte. Deitar com uma pessoa após uma noite romântica, fazer aventuras e transar em locais inusitados, instigar o parceiro com fantasias e entre tantas coisas disponíveis para se satisfazer, é muito comum. 

Mas até que ponto o ser humano é visto como um brinquedo sexual ou um passatempo para pessoas loucas por sexo? Qual o motivo dessa necessidade em realizar desejos de uma forma desenfreada e sem medir as consequências?

Recentemente uma mulher expôs um padre que fez sexo com seu noivo   “várias vezes” e ainda celebrou o casamento do casal dias depois, em Rio Grande do Norte. É uma forma diferente de abençoar um casamento? Ou pode ser um teste drive…

Outro caso inusitado foi o de um homem detido por furtar um banheiro químico para transar com a namorada, em São Paulo. Imagina como deve ser confortável fazer um amorzinho dentro de uma caixa né… 

Há tantos casos por aí de pessoas cometendo gafes porque não controlam a vontade de se satisfazer. Merece reflexão a possibilidade de sermos meros escravos dos nossos próprios desejos. Que segundo o padre, seria “uma fraqueza”. 

Há quem diga que toda essa “aventura” é emocionante além de proibida, o que dá um toque de excitação durante o feito. Aquilo que só os dois entendem qual é a sensação de fazer e de realizar, uma felicidade misturada com prazer e medo de ser pego. Para outros tudo não passa de uma louca vontade de transar. 

Mas uma coisa que não dá pra negar é o divertimento que isso traz, seja lá qual for a forma de diversão que você sentiu com essas histórias.


Os artigos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados nesta coluna não refletem necessariamente o pensamento do Portal do Holanda, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

ASSUNTOS: Amor, sexo e outros prazeres