Governo do Amazonas amplia horário de bares e restaurantes aos domingos

Por Portal do Holanda

14/05/2021 12h16 — em Amazonas

Bares e restaurantes ficam liberados aos domingos até as 22h. Foto: Divulgação/SSP-AM

Manaus/AM - Durante uma live transmitida nesta sexta-feira (14), o governo do Amazonas anunciou que bares e restaurantes estão autorizados a funcionar aos domingos até 22h. Outras medidas também foram informadas e começam a valer a partir da segunda-feira (17) e têm validade de 15 dias.

De acordo com o decreto, a circulação de pessoas continua restrita das 00h às 6h. Shoppings centeres continuam nas semanas abertos até 22h, mas aos domingos, ficam até 21h. Parques e recreação infantil estão liberados, exceto brinquedos de uso coletivo como túneis e piscina de bolinhas.

Ainda conforme as mudanças anunciadas, espaços públicos do Estado também ficam liberados para visitação de forma agendada como o Teatro Amazonas. Bares, restaurantes e lanchonetes ficam liberados até 22h no domingo. Flutuantes que funcionam como restaurantes ficarão abertos até 18h, assim como as marinas que ficam até 18h.

De acordo com o governador Wilson Lima, é importante que medidas de segurança sejam continuadas. “Diante deste cenário exposto, vamos fazer as seguintes alterações. Não queremos colocar a perder tudo que conquistamos e ainda convivemos com a covil-19”, disse.

Segundo o secretário estadual de Saúde, Marcellus Campêlo, a ocupação de leitos aumenta e chega a 80% para outras doenças que não sejam covid. “Já com relação à taxa de leitos clínicos para covil, ocupação é de 30%. Estamos disponibilizando 56 leitos no Hospital Delphina Aziz para retaguarda da rede uma vez que hospitais de emergência estão pressionados. Vamos transferir primeiramente pacientes com perfil clínico. Ainda hoje vamos transferir 30 pacientes”, disse.

Na transmissão, foi falado sobre dados epidemiológicos, a descoberta da nova variante britânica em Manaus, vacinação e volta às aulas.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas