Compartilhe este texto

Suspeito estava com munições e foi visto atrás de barco de indigenista e jornalista desaparecidos

Por Portal do Holanda

08/06/2022 15h14 — em
Amazonas


 Amarildo da Costa de Oliveira, conhecido como

Manaus/AM - O primeiro suspeito do desaparecimento do indigenista Bruno Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips foi identificado como Amarildo da Costa de Oliveira, de 41 anos, conhecido como "Pelado".

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito foi visto por ribeirinhos em uma lancha, seguindo a embarcação dos desaparecidos, no dia em que eles sumiram. Amarildo foi localizado ​​na comunidade São Gabriel, uma vila a poucos quilômetros da comunidade São Rafael, onde Bruno e Phillips foram vistos pela última vez, no domingo (5).

Ainda de acordo com a polícia, o suspeito estava com munições e foi preso em flagrante. Apesar disso, Amarildo nega envolvimento no desaparecimento do indigenista e do jornalista. 

Até a noite de terça-feira (8), seis pessoas foram ouvidas sobre o caso. 

Veja também:

Jornalista do The Guardian e indigenista desaparecem em viagem ao Amazonas

Indigenista da Funai e jornalista sofreram ameaças dias antes do desaparecimento no Amazonas

O que se sabe sobre o desaparecimento de indigenista e jornalista do The Guardian no Amazonas

PF é acionada para investigar desaparecimento de jornalista e indigenista em Atalaia do Norte

Saiba quem são Bruno Pereira e Dom Philips, desaparecidos em Atalaia do Norte

Reforço policial é enviado para buscas de jornalista e indigenista desaparecidos em Atalaia do Norte

MPF acompanha caso de desaparecimento de indigenista e jornalista em Atalaia do Norte

Marinha participará das buscas por jornalista do The Guardian e indigenista em Atalaia do Norte

Esposa de jornalista desaparecido em Atalaia do Norte apela por ajuda

PF prende dois suspeitos de desaparecimento de jornalista e indigenista em Atalaia do Norte

Buscas por indigenista e jornalista britânico desaparecidos são retomadas no Amazonas

Força-tarefa da SSP embarca para Atalaia do Norte em busca dos desaparecidos

Indigenista da Funai mandou áudio antes de desaparecer: ‘chego dia 6’

Família do indigenista Bruno Pereira relata sentimento de angústia e faz apelo



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Amazonas

+ Amazonas