Compartilhe este texto

Governo Federal reforça atendimento de saúde no interior do Amazonas

Por Portal do Holanda

09/06/2020 0h49 — em
Amazonas


Foto: Reprodução

OGoverno Federal está reforçando o atendimento de saúde no interior do Amazonas para reduzir os impactos da pandemia de Covid-19. Neste fim de semana, um KC 390, um dos maiores cargueiros da Força Aérea Brasileira, saiu de Brasília levando militares, representantes do Governo Federal, profissionais de saúde, equipamentos e insumos ao Norte do país para prestar atendimento às comunidades. O destino foi São Gabriel da Cachoeira, localizado à noroeste do estado. A ação será realizada durante toda a semana e envolve os Ministérios da Saúde e da Defesa.

A aeronave levou cerca de 110 mil itens, mais de duas toneladas de equipamentos necessários para evitar o avanço do vírus neste momento de pandemia. São máscaras, luvas macacões, álcool em gel e kits de teste para malária e Covid-19, além de cestas de alimentos.

O material foi todo desembarcado em São Gabriel da Cachoeira. Parte dos insumos, foi para o único hospital do município. O restante, será distribuído ao longo de toda a semana aos Pelotões Especiais de Maturacá, Yaurete, Querari e São Joaquim, localizados na fronteira com a Venezuela e a Colômbia. Nessas comunidades, vivem cerca de 4 mil indígenas das etnias Yanomami, Tukano, Kubeo e Kuripaco.

“O objetivo é o atendimento de saúde, com aplicação de testes rápidos de Covid. Testes de malária e dengue também porque são doenças endêmicas; e os casos são elevados nesta época do ano aqui. A ideia também é que medicamentos sejam entregues para essas pessoas no momento em que tiverem sendo atendidas. Já saem de lá com o diagnóstico e com o medicamento, para que possam ter a solução dos problemas”, disse o general Alexandre Mendonça, Comandante da Segunda Brigada de Infantaria de Selva.

Nesta segunda-feira (8), os dez profissionais de saúde militares que fazem parte da missão - médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmacêuticos, atuaram no Pelotão de Maturacá, que fica a cerca de um quilômetro e meio da aldeia dos Yanomamis. Lá, indígenas tiveram acesso a consultas de rotina e receberam medicação.

“Em Maturacá já há em torno de 60 casos aproximadamente. Já houve óbito aqui na região e, em razão disso, há todo um cuidado da nossa parte. Um cuidado para evitar o contágio entre os indígenas e também preservar a saúde de nossos militares”, acrescentou o general.

Em Maturacá, segundo o general, já foram entregues sete toneladas de cestas de alimentos. “E, desta vez, serão distribuídas cestas destinadas à merenda escolar. Justamente para permitir que essas comunidades não tenham que se deslocar para o município para aquisição de itens de primeira necessidade.”

O Ministério da Defesa é responsável pela logística, como o transporte dos profissionais de saúde. A Secretaria Especial de Saúde Indígena, do Ministério da Saúde, também acompanha a operação que ainda tem apoio do Ministério da Cidadania e do Ministério da Mulher, da Família e Direitos Humanos.

Missão em São Gabriel da Cachoeira

É a segunda missão do Governo Federal em São Gabriel da Cachoeira. Em maio, um voo da Força Aérea decolou com destino a São Gabriel da Cachoeira e Tabatinga, no Amazonas, levando materiais hospitalares, equipamentos de proteção individual, remédios e profissionais de saúde para reforçar o atendimento na região.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: ajuda, Amazonas, Brasil, fab, pandemia, Amazonas, Coronavírus

+ Amazonas