Justiça acolhe nova denúncia contra Cândido Honório

Por

29/05/2012 14h24 — em Amazonas

O Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas  recebeu  no final da manhã desta terça-feira denúncia do procurador geral, Francisco Cruz, contra o promotor Cândido Honório, pelo crime de falsidade ideológica e prevaricação.


Os desembargadores acompanharam o voto do relator João Mauro Bessa, que disse o próprio denunciado confirmou a falsificação da requisição, afirmando que sua intenção era de proteger a vida dos PMs  envolvidos no caso Fred.

Bessa  disse ainda que o major PM David Brandão, da assessoria militar do MP, disse que os policiais requisitados não prestavam serviço ao Ministério Público. De acordo com o relator os PM’s estavam na verdade a disposição de Cândido Honório.

A denúncia

De acordo com a denúncia, Cândido Honório requisitou ao Comando Geral da Polícia Militar os policiais militares José Ademir Pinto Dutra e Marcos Macedo Lucas, para auxiliarem em uma investigação sigilosa.

Mas como o promotor não tinha atribuições para solicitar os policiais, pois não respondia pela Promotoria de Justiça Especializada no Controle Externo da Atividade Policial (PROCEAP), falsificou a requisição encaminhada a PM.

Na denúncia, o MP  diz ainda que Cândido Honório  estava convocado para 16ª Procuradoria de Justiça, atuando perante  a terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Amazonas, limitando-se a analisar demandas de natureza cível e não criminal.
 

NULL

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas