Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Graça e Moutinho voltam a se estranhar

Publicado

em

Por

Por causa da mudança de cor  nas placas dos veículos do Tribunal de Justiça do Amazonas, Graça Figueiredo e Ari Moutinho voltam a divergir...

A mudança das placas dos veículos oficiais usados pelos desembargadores do Tribunal de Justiça do Amazonas, que passarão a ser caracterizadas e pretas,  não agradou a desembargadora Maria das Graças Figueiredo, que chegou a dizer na terça-feira, durante reunião do Pleno,  que se sentia ameaçada.A reação e de Graça irritou o desembargador Ari Moutinho, que não gostou da magistrada  dizer que a simples alteração na placa dos veículos a tornava vulnerável. 

“Temos de mostrar a cara”, disse o presidente, afirmando que se Graça  estava se sentindo  ameaçada que solicitasse proteção policial ao tribunal ou ao Conselho Nacional de Justiça.

“Não estou me sentindo ameaçada”, respondeu a desembargadora, mas lembrou que seu motorista, Pedro Paulo Vieira Tavares  foi morto dia 5 de janeiro deste ano, minutos depois de deixá-la no Tribunal.

Graça Figueiredo disse ainda que apesar de a polícia prender os acusados do crime, ela levou o caso ao CNJ. “Dizem que ele foi confundido”, declarou, afirmando que para ela o crime não foi bem esclarecido.

Morte de Pedro

O motorista da desembargadora Maria das Graças Figueiredo, Pedro Paulo Vieira Tavares, foi morto dia 5 de janeiro deste ano quando chegava a lavanderia Dry Clean, no Vieira Alves.

Dia 26 de abril, policiais da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos prenderam uma funcionária da lavanderia, Solielma Cardoso, que trabalhava há oito meses na empresa, e que foi a pessoa responsável por passar informações de que um funcionário do setor financeiro  faria um saque de R$ 6 mil.

A informação foi passada a Eder Custódio da Silva,   João Abreu Neto, o “João do gás” e Aluísio Arcanjo da Silva.

Ela e os comparsas articularam o assalto, e no momento do crime, Pedro chegava à lavanderia, localizada na Rua Pará, bairro Vieiralves, Zona Centro-Sul, para pegar uma encomenda da desembargadora. Foi quando Eder armado, anunciou o roubo. A vítima reagiu, sendo alvejadA com dois tiros.

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.