Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Governo inicia ação emergencial em Manaus

Publicado

em

Por

O Governo do Amazonas lançou nesta terça-feira o Plano de Ação Emergencial de limpeza em áreas diretamente afetadas pela enchente do Rio Negro na cidade de Manaus. Iniciou, ainda, o envio de balsas para abrigar famílias afetadas pela cheia no Careiro da Várzea, município que está em estado de calamidade pública em razão da subida dos rios.


Com a operação de limpeza, a Defesa Civil do Estado estima recolher até 140 toneladas de resíduos sólidos por dia em dez bairros de Manaus.  “Por determinação do governador Omar Aziz, vamos atuar em três frentes de limpeza. Nas bacias dos igarapés do Educandos e do Quarenta e na bacia do São Raimundo, áreas mais afetadas pela enchente em Manaus”, explicou Roberto Rocha, secretário do Subcomadec.

Os bairros que serão atendidos são: Matinha, Aparecida, São Jorge, São Geraldo, Presidente Vargas, Glória, Céu, Educandos, Betânia e Raiz. A ação conta com a atuação direta de 500 agentes de limpeza, da Secretaria da Região Metropolitana de Manaus (RMM), três balsas, três escavadeiras, 20 caçambas de 16 m3, três pás mecânicas e equipamentos de proteção individual (EPI).

Careiro da Várzea – O Governo do Estado também está enviando para o Careiro da Várzea, nesta semana, quatro balsas para abrigar as famílias mais afetadas pela enchente no município, que está em estado de calamidade pública. Nessas balsas será montada uma estrutura de moradia, que inclui barracas, banheiros químicos, fornecimento de água, alimentação e kit´s dormitório.

Atualmente 18 famílias já foram realocadas provisoriamente para a Escola Municipal Balbina Mestrinho, no próprio município. Nesta unidade escolar, que também já sofre os impactos da enchente, serão construídas marombas (assoalho suspenso), para que as barracas da Defesa Civil sejam instaladas no local.

Outras nove barracas foram instaladas na orla da cidade. Com capacidade para até 20 famílias. No ginásio Municipal José Francisco Batista, marombas também serão construídas para possibilitar a instalação de novas estruturas de moradia.

Balanço - No balanço da Defesa Civil do Estado 50 municípios estão em situação de emergência. Itapiranga foi o último a fazer parte da listagem oficial. E mais três municípios, Careiro da Várzea, Barreirinha e Anamã, estão em estado de calamidade pública.

O Governo do Amazonas já atendeu 36 municípios com mais de 130 toneladas de ajuda humanitária (cestas básicas, kits de higiene pessoal, kits de limpeza, kits de medicamentos, kits dormitório, kits de medicamentos, filtros microbiológicos, hipoclorito de sódio) e 24 com o Cartão Amazonas Solidário, no valor de R$400 para cada família afetada, totalizando mais de 33 mil famílias beneficiadas com o auxílio financeiro do Governo do Estado. Os demais municípios serão atendidos conforme cronograma da Defesa Civil do Amazonas.

NULL

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.