Bastidores da Política - Covid mata e número de enterros dá salto em Manaus


Covid mata e número de enterros dá salto em Manaus

Por Raimundo Holanda

27/08/2020 20h16 — em Bastidores da Política

  • A Fundação de Vigilância Sanitária também revelou mais 10 mortes por coronavírus que deixaram de ser computadas nas últimas semanas . Assim, a FVS vai retirando das tumbas digitais de um vírus que a incompetência do poder público demora a identificar.

Os enterros diários em Manaus deram um salto nesta quinta-feira. Passaram de 27, que era a média dos último 25 dias de agosto, para 42, sendo 4 de Covid confirmados e pelo menos sete suspeitos.  Outros dois casos foram registrados no interior do Estado pela Fundação de Vigilância Sanitária, que também revelou mais 10 que deixaram de ser computadas nas últimas semanas . Assim, a FVS vai retirando das tumbas digitais de um vírus que a incompetência do poder público demora a identificar.

O dia com maior número de enterros confirmados por coronavírus  neste mês foi  na segunda feira, 24, com seis procedimentos  nos cemitérios públicos de Manaus, mas a média de sepultamentos foi mantida. O salto desta quinta-feira assustou , com indicativos claros de que o vírus não parou de circular, e que a chamada “imunização de rebanho” não tem sustentação científica. Além de perigosa, pois sua divulgação  pela mídia torna as pessoas menos atentas e mais sujeitas à infecção por coronavírus. 

Veja quadro abaixo: