Ministério Público avança nas investigações sobre desvio de vacinas no AM

Por Portal do Holanda

26/01/2021 21h07 — em Amazonas

(Foto: Agência Brasil)

Manaus/AM - O Ministério Público do Amazonas (MPAM) segue apurando práticas criminosas durante a pandemia no Amazonas, como os casos de mortes por falta de oxigênio e desvio de vacinas para quem não era do grupo prioritário. Conforme o órgão, a apuração do caso de ‘fura-filas’  tem evoluído de maneira rápida devido ao crescente número de indícios dessa prática, inclusive com a responsabilidade de entes públicos.

O órgão de inteligência do MPAM, Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), está à frente das investigações sobre essas denúncias de desvio de vacinas.  O promotor de Justiça Armando Gurgel Maia, um dos responsáveis pela investigação, diz que não pode descrever os detalhes dos passos que já foram dados, devido ao processo correr em sigilo.

No entanto, ele afirma:  "Estamos evoluindo cada vez mais e devemos tomar, sim, providências para aqueles que são responsáveis sofrerem as penas, as sanções cabíveis previstas na lei".

O GAECO, segundo o promotor, tem usado de recursos tecnológicos para apurar os fatos " Há toda a possibilidade, através do banco de dados públicos, de nós avaliarmos isso. Então, é um trabalho um pouco demorado, até pela quantidade de pessoas que estão sendo denunciadas praticando esse tipo de conduta. E nós temos também que avaliar não só se elas cometeram esse tipo de conduta, mas de que forma isso foi conseguido, na medida em que a custódia e administração dessas vacinas é por parte de servidores públicos".


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas