Com salário atrasado, servidores da Seas sofrem ameaças de demissão Com salário atrasado, servidores da Seas sofrem ameaças de demissão

Com salário atrasado, servidores da Seas sofrem ameaças de demissão

Por Portal do Holanda

21/11/2019 10h03 — em Amazonas

Manaus/AM - Falta de pagamento de salários referentes ao mês de outubro, assim como da 1ª parcela do 13º salário deste ano, estão entre as causas das reclamações de colaboradores da Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas) contratados pelo projeto 34 Núcleo de Apoio à Gestão SUAS (NAPGSUAS).

De acordo com servidores que pediram para não ter os nomes revelados, além do atraso no pagamento do salário do mês de outubro, que deveria ter ocorrido até o 5º dia útil deste mês, os colaboradores também denunciam ameaças de demissão e desconto no pagamento daqueles que faltem  ou se atrasem no trabalho. Não há previsão, informam os servidores, para receber o pagamento.

O Projeto 34 - NAPGSUAS (Núcleo de Apoio à Gestão SUAS para os Municípios do Estado do Amazonas) foi implantado pela Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (AADES) no ano passado e visa gerir o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) no interior do Amazonas. Os funcionários, regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), estão lotados na Seas.

+ Amazonas