Comando Militar da Amazônia sabia de invasão do espaço aéreo brasileiro por tropas da Venezuela

Por

06/07/2014 7h35 — em Amazonas

O ex-comandante Militar da Amazônia, general Augusto Heleno, sabia que aviões Hercules C-130 das Forças Armadas da Venezuela invadiram diversas vezes o espaço aéreo brasileiro, em 2008, para levar tropas e armas para a Bolívia, então vivendo um clima de insurreição contra o presidente Evo Morales. 

A denúncia faz parte de documento oficial publicado pela revista Veja desta semena. As tropas se destinavam ao estado do Pando, um dos núcleos rebeldes contra Evo Morales na Bolívia. Foram 114 voos não autorizados sobre o território brasileiro, mas o Brasil ao saber da violação abafou o caso, por determinação do então presidente Lula, diz a matéria da Veja.

O documento só veio a público porque  faz  parte de  397 arquivos roubados por hackers na histórica invasão do sistema de e-mails do Itamaraty, em maio deste ano.

 

+ Amazonas