Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Pascarelli suspende liminar que bloqueava R$ 20 milhões do município de Nhamundá

Publicado

em

Por

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, presidente do Tribunal Regional Eleitoral, suspendeu a liminar da juíza Vanessa Leite Mota, da 43ª Zona de Nhmaundá, que bloqueou cerca de R$ 20 milhões das contas do município até o dia das eleições, 7 de outubro.

Ao cassar a liminar, o presidente da Corte disse que o gestor municipal necessita de recursos para administrar o município. Pascarelli acrescentou em sua decisão que a liminar dada pela juíza “está causando grave lesão à ordem, à saúde, à segurança e à economia de Nhamundá, pois implica na paralisação ou na interrupção de serviços públicos imprescindíveis à população”.

De acordo Pascarelli, a medida liminar concedida para bloquear as contas de Nhamundá  se afigura imprópria e desproporcional ao suposto crime de conduta vedada pelo prefeito Mário Paulain.

A juíza Vanessa Leite  concedeu a liminar bloqueando cerca de R$ 20 milhões do município atendendo ação de Gledson Alves Paulain Machado (PDT) candidato a prefeitura municipal, que denunciou suposto crime de conduta vedada cometido pelo prefeito Mário Paulain (PSD), que apoia o candidato do PMDB, o apresentador do boi Garantido, Israel Paulain.
 

NULL

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.