Siga o Portal do Holanda

Treinamento

Tribunal de Justiça do Amazonas dá treinamento sobre teletrabalho a servidores

Publicado

em

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) deu início na terça-feira, dia 17, ao curso de formação obrigatória para gestores e teletrabalhadores, dirigido a 35 servidores de diferentes áreas da corte estadual. O curso tem carga de 20 horas e dele participam servidores interessados em ingressar no Programa de Teletrabalho e diretores de departamento (chefes imediatos dos postulantes). O curso vai até sexta-feira (19), sempre das 8h às 14h.

O programa é administrado pela Divisão de Gestão de Pessoas (DVGP), mediante as diretrizes da Comissão de Acompanhamento, Gestão e Controle do Teletrabalho/TJAM, presidida pela desembargadora Nélia Caminha Jorge e que tem como vice-presidente a desembargadora Carla Maria Santos dos Reis.

Orientação sobre teletrabalho

No curso, os participantes estão conhecendo as especificidades das resoluções n.º 04/2017, do TJAM, e n.º 227/2016, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que regulamentam a realização de teletrabalho em âmbito estadual e nacional, como destacou o diretor da Divisão de Gestão de Pessoas, Mauro Saraiva. “O curso dá orientações gerais de como os teletrabalhadores devem realizar essas atividades de trabalho em casa; como estabelecer metas de produtividade; trata questões econômicas, de ergonomia no desempenho da atividade e, no caso do gestor, orientamos sobre os pontos cruciais aos quais ele precisa estar atento na hora de coordenar, de forma remota, as atividades do teletrabalhador”, destacou Mauro.

Essa é a segunda turma de servidores que passa pela capacitação neste ano de 2019, mas já é a sétima desde o início dos cursos de formação obrigatórios, em 2017.

A menina que o tráfico matou

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.