Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Professor da Ufam é perseguido e agredido por aluno defensor de Bolsonaro

Publicado

em

Foto: Reprodução Google Street View

Manaus/AM - O professor Marcondes Abreu foi agredido por um aluno durante a aula do curso de Letras dentro da Universidade Federal do Amazonas. O caso aconteceu na última quarta-feira (3), mas viralizou nas redes sociais somente agora.

Na ocasião, Marcondes exibia um vídeo sobre fascismo e o aluno se revoltou começando a gritar e a xingar o docente chegando a atirar uma mesa contra ele. O professor, então, saiu do local e foi perseguido pelo universitário pelos corredores da universidade. Os colegas de sala disseram que o suspeito é assumidamente defensor de Jair Bolsonaro e apesar do docente não ter citado o nome do candidato deixou o aluno irritado.

Ainda segundo os alunos, o professor se trancou em uma outra sala para não ser agredido fisicamente.

Após o episódio, os alunos divulgaram uma nota de repúdio. A Ufam também se manifestou: “Informamos que houve registro do caso na Ouvidoria da Instituição, setor onde são iniciados os trâmites de apuração de denúncias nesse cerne. Com a oficialização da ocorrência, a administração da Faculdade de Letras (Flet), onde o caso se deu, passará a averiguar fatos, ouvindo as partes e testemunhas, seguindo os procedimentos administrativos de forma a garantir quais providências são cabíveis.

Na oportunidade, a Ufam reitera o repúdio a toda e qualquer forma de violência contra a integridade humana”, diz a nota.

-

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Greve dos Rodoviários em Manaus

Amazonas

Copyright © 2006-2018 Portal do Holanda.