Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Secretário da SSP critica postura de rodoviários e reforça ações para inibir assaltos em ônibus

Publicado

em

Foto: Reprodução

Manaus/AM - Após ameaça de paralisações dos rodoviários por insegurança no transporte coletivo, o Secretário de Segurança Pública, Sérgio Fontes, negou que esteja negligenciado a onda de criminalidade no ônibus e afirmou que várias ações estão sendo feitas para tentar reduzir os assaltos nos coletivos. A informação foi repassada em coletiva de imprensa realizada na tarde desta terça-feira(7).

O secretário informou que sempre esteve disponível para discutir a segurança no transporte urbano e desmentiu que os assaltos estão se tornando ‘estatística’ na SSP. Até o início de março, 82 prisões foram efetuados, em 2016 foram 677.

Ainda segundo Fontes, desde dezembro que a SSP está elaborando projetos como “anjo da guarda”, “rota segura” e botão do pânico para garantir a segurança nos transportes, tanto alternativo, como executivo, táxis e coletivos. Todos sindicatos são convocados para as reuniões, no entanto, os rodoviários não teriam comparecido e também não teriam procurado a secretaria para debater a questão.

"Eu acho que tem que haver uma responsabilidade com esse tipo de atitude, uma categoria tão importante como dos rodoviários, não pode haver uma banalização da paralisação. A população não aguenta mais, a qualquer contra-gosto o transporte urbano é paralisado. Isso(segurança) não é resolvido da noite pro dia, são outros interesses porque se fosse segurança, nós seríamos aliados”, disse. 

O delegado geral-adjunto, Ivo Martins, afirmou que a Polícia Civil vai trabalhar em conjunto com a Polícia Militar para prevenir novos assaltos "Durante a coletiva, o delegado do 14º Distrito Integrado de Polícia disse que prendeu um assaltante de ônibus e que inclusive, confesosu o crime. Não podem dizer que não estamos fazendo nada", finalizou.

Susam paga R$ 10 milhões para Bringel recolher lixo hospitalar

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.



Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.