Governo do Estado executa obras escolares visando ampliar a rede de ensino para 2015‏

Por Portal do Holanda

02/12/2014 18h35 — em Amazonas

O Governo do Estado, por meio da SEDUC, está executando obras de construção e ampliação de escolas, objetivando expandir a capacidade da rede pública estadual de ensino para o ano de 2015. Dentre as obras, executadas em diversos pontos de Manaus, estão as de dois Centros de Educação de Tempo Integral (Cetis) que serão inaugurados no início do próximo ano, na comunidade Lago Azul e também no Conjunto Residencial Viver Melhor, ambos localizados na zona norte da capital.

Em visita aos canteiros de obras nesta semana, o secretário de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva, informou que os dois Cetis estão com suas obras avançadas e que o objetivo do Governo do Estado é entregá-los à população em fevereiro de 2015. “Pretendemos, inclusive, realizar a aula inaugural do ano escolar de 2015 no Ceti que estamos construindo na comunidade Lago Azul”, anunciou o secretário, ao citar que o Ceti do Conjunto Viver Melhor tem 60% dos trabalhos avançados e o da Comunidade Lago Azul, 80%.

O empreendimento educacional contará com salas climatizadas, laboratórios de ciências e informática, campo de futebol, piscina, auditório, biblioteca, quadra poliesportiva, sala de dança, cozinha, refeitório, banheiros, secretaria, dentre outros ambientes pedagógicos e administrativos.

Os dois Cetis terão a capacidade de atender, juntos, a dois mil estudantes diariamente, os quais terão acesso ao ensino na modalidade de tempo integral.

O Governo do Estado também está intensificando as obras de reforma e ampliação das escolas estaduais Djalma Batista,  (em frente à UFAM) e Senador Petrônio Portela, localizada no bairro Dom Pedro I.

A escola estadual Djalma Batista contemplará 19 salas de aula climatizadas, quadra poliesportiva, academia, biblioteca, piscina, refeitório, cozinha, sala para atividade de Arte, auditório, sala de jogos, sala de descanso, laboratório de informática, laboratório de ciências e estacionamento para funcionários. A unidade de ensino será inteiramente adaptada para o atendimento a pessoas com necessidades especiais e está sendo construída em uma área que compreende 5.653,54 m2.

Com 18 salas de aulas e também preparada para atender a comunidade estudantil com a modalidade de ensino em tempo integral a escola estadual Senador Petrônio Portela possuirá estrutura semelhante, contemplando laboratórios, ambientes pedagógicos e espaços lúdicos para recreação e execução de atividades de educação física.

Rossieli Soares, informou que outras frentes de trabalho, em Manaus, também estão sendo priorizadas pelo Governo do Estado. “Focando em uma das áreas de expansão populacional da cidade, estamos construindo uma nova escola-padrão, com 12 salas de aula, no conjunto Cidadão 10, também na zona norte de Manaus. A escola deve ser concluída ainda no primeiro semestre de 2015”, informou o secretário.

Além das novas construções, o Governo do Estado também utilizará o período de recesso escolar, que inicia no próximo dia 12 de dezembro, para realizar obras de reforma em várias unidades de ensino em Manaus, dentre as quais as escolas estaduais José Carlos Mestrinho, Maria Arminda e Madre Tereza de Calcutá.