Siga o Portal do Holanda

Idoso morreu

Médica e 2 atendentes do Samu são demitidos por negar atendimento a idoso de 80 anos

Publicado

em

Foto: Reprodução/EPTV Foto: Reprodução/EPTV
Foto: Reprodução/EPTV

Uma médica e dois atendentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de São João da Boa Vista (SP) foram demitidos por justa causa, na segunda-feira (21), por omissão de socorro a um aposentado de 80 anos. (Ouça acima um trecho do áudio).

Segundo o G1 São Carlos, a profissional de saúde negou o envio de uma ambulância a um paciente entre a noite do dia 7 de janeiro e a madrugada do dia 8, em Espírito Santo do Pinhal (SP), e disse que “Samu não é táxi”. O aposentado Geraldo Vicente morreu 12 horas depois da solicitação.

Em áudio particular gravado pelo vizinho o homem pergunta sobre o serviço mais de uma vez e a mulher explica que já havia conversado com a esposa do paciente e a responsabilidade era do município. 

Segundo o presidente do Consórcio de Desenvolvimento da Região de São João da Boa Vista (Conderg), Amarildo Duzi Moraes, a decisão foi tomada a partir da análise das gravações completas das ligações e de depoimentos de servidores relacionados ao Samu. O Samu Regional de São João atende 10 cidades.

O processo administrativo para que a comissão avaliasse a conduta da médica e dos atendentes foi instaurado no dia seguinte ao ocorrido.

“Ouvindo essas pessoas, ouvindo as gravações, esse conjunto de provas, a comissão de forma unânime propôs a demissão por justa causa por descumprimento no protocolo do Samu no atendimento. E a superintendência acatou integralmente o que eles propuseram, conforme previsto na legislação”, disse.

A menina que o tráfico matou

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.