Igarapés e orla do rio Negro têm ações de limpeza em Manaus

Por Portal do Holanda

12/08/2020 9h08 — em Amazonas

Além de igarapés, orla da Panair também teve limpeza - Foto: Ione Moreno/Semcom

Manaus/AM - Mais uma intensificação de limpeza nos igarapés é realizada pela Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp). Nesta terça-feira, 11/8, equipes da Semulsp atuaram nas orlas da Manaus Moderna (zona Sul); do bairro da Glória com a ponte do Bariri e Aparecida (zona Centro-Sul); igarapé do Passarinho, no bairro Monte das Oliveiras (zona Norte); e na marina do Davi, no Tarumã (zona Oeste).

Além disso, um serviço de coleta direta nas balsas da feira da Panair também foi realizado pelos servidores da Prefeitura de Manaus, para evitar que resíduos sejam arremessados ao rio. A ação, coordenada pela Semulsp, acontece todos os dias e envolve várias equipes, que se dividem em diversos pontos, para aumentar o raio da limpeza.

“Sempre aproveitamos o período da seca para avançarmos esse serviço. Existem diversas frentes acontecendo, simultaneamente, inclusive nas comunidades ribeirinhas. Praticamente todos os serviços de limpeza da prefeitura têm como objetivo diminuir a ameaça da poluição nos nossos rios, por isso, essa modalidade é tão importante. Mas, precisamos da conscientização da população, para que os resultados sejam mais expressivos”, explicou o secretário municipal de Limpeza Urbana, Paulo Farias.

Ação continua

A Prefeitura de Manaus realiza, por ano, mais de 1.500 ações de limpeza desta natureza, retirando em média 32 toneladas por dia dos igarapés. Este ano, mais de 700 ações de limpeza já foram realizadas e a expectativa é aumentar o ritmo de trabalho, aproveitando o período de sol. Somente de janeiro a maio deste ano, 4.818 toneladas de resíduos já foram retiradas dos igarapés. Esse serviço percorreu mais de 80 igarapés, córregos ou orla, retirando lixo e evitando que a poluição chegue às águas.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas