Força militar para garantir eleição em Manaus

Por Portal do Holanda

27/10/2020 19h56 — em De olho na Política

O TRE-AM reuniu ontem com os dirigentes das Forças de Segurança que participarão das eleições 2020 no Amazonas. O tema principal foram os efetivos que prestarão apoio ao pleito, para garantir eleições seguras, e o modo como cada instituição poderá contribuir.

De acordo com as normas eleitorais, cabe às forças civis e militares o policiamento nas ruas e locais de votação, proteção ao transporte e guarda de urnas, equipamentos e pessoal.

Eleição é teste para Dória e Bolsonaro 

O Brasil está vivenciando um período eleitoral diferente, com duas disputas acontecendo ao mesmo tempo. Nos municípios, mais de meio milhão de candidatos disputam para vereador e prefeito. Em paralelo, 2 presidenciáveis, Jair Bolsonaro e João Dória, fazem campanha para 2022.

Agente do campo

O aplicativo “Sinesp Agente de Campo” é a novidade do programa Senasp Itinerante, lançado ontem na Região Norte, em Rio Branco (AC). O App irá integrar mais de 10 mil membros das forças de segurança pública, sendo 969 profissionais do Amazonas. Se não melhorar, piora.

Terra de pistolagem 
Mesmo depois de 32 anos de sua elevação a Estado, com a Constituição de 88, Roraima continua a velha tradição de “território de fronteira”, terra de pistolagem. O sequestro e agressão ao jornalista Romano dos Anjos é mais um caso dos muitos ali ocorridos.
Um deles vitimou o jornalista João Alencar, em 1980, assassinado a tiros por ter denunciado contratos ilegais e fraudes em licitações do governo Ottomar Pinto com o deputado Olavo Pires (RO).