Bastidores da Política - Dez mortos pelo tráfico no Amazonas. Falta Polícia? Não. Falta governo…


Dez mortos pelo tráfico no Amazonas. Falta Polícia? Não. Falta governo…

Por RAIMUNDO DE HOLANDA

11/09/2021 20h51 — em Bastidores da Política

O Comando Vermelho rachou e a facção originária desse racha - a CDN - espalhou o terror no final de semana. Foram 10 assassinatos, filmados e expostos na internet. Dessa vez as vítimas tinham alguma notoriedade - eram ativas nas redes sociais e contavam com centenas de seguidores. Isso deu visibilidade ao grupo criminoso, que fez nova ameaça: matar.  MC Poze do Rodo, o funkeiro que se apresentaria em Manaus no sábado e que acabou cancelando o show.

O que se ouviu de pessoas simples, que tentavam explicar a nova onda de violência em Manaus  foi a repetição de uma frase antiga: falta polícia.  É uma constatação óbvia, mas a frase em si é um misto de revolta e conformismo com uma situação que não muda.

Não há polícia porque o  Estado é ausente, não apenas o Estado enquanto governo, mas suas instituições que ou não funcionam ou funcionam de forma precária.

Ou os cartéis do tráfico não dominariam as principais cidades do Amazonas, não queimariam  ônibus, não depredariam bancos  nem fariam de Manaus refém do medo como já fizeram no inicio do ano.

A questão é: por que o Estado do Amazonas age tão displicentemente em relação as organizações criminosas ligadas ao tráfico de drogas?

Não tem resposta. Se tem, não pode ser dada.

Raimundo de Holanda é jornalista de Manaus. Passou pelo "O Jornal", "Jornal do Commercio", "A Notícia", "O Estado do Amazonas" e outros veículos de comunicação do Amazonas. Foi correspondente substituto do "Jornal do Brasil" em meados dos anos 80. Atualmente escreve a coluna Bastidores no Portal que leva seu nome.