Siga o Portal do Holanda

Amazonas

​Servidores do IML decidem parar por 12 horas na segunda com ameaça de greve na sexta

Publicado

em

Manaus/AM - Após uma reunião entre peritos do Instituto Médico Legal (IML) e o Sindicato dos Peritos Oficiais do Amazonas (SINPOEAM) ficou decidido uma paralisação dos serviços por 12 horas na próxima segunda-feira (3). 

O encontro para discutir as reivindicações aconteceu na tarde de quarta-feira (29), no auditório do IML, situado na avenida Noel Nutels, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus.
A categoria reivindica melhores condições de trabalho e o reajuste salarial. Segundo a categoria, uma Lei de número 214 de 2014, foi aprovada e reajustou o salário entre 50 e 70 por cento de delegados, escrivães e investigadores, e excluiu os peritos do projeto. A categoria querem uma emenda que garanta esse reajuste. 

A classe pretende ter uma conversa com o governador José Melo (Pros) para solucionar o problema, mas caso não haja evolução nas negociações, os servidores devem aderir a greve marcada para sexta-feira, 7 de agosto. 

Com a paralisação de advertência de 12 horas, os serviços: flagrante de drogas, laudos toxicológicos, necropsia, lesão corporal e remoções de cadáveres estarão suspensas para as práticas periciais. 

A greve marcada para o dia 7 de agosto irá paralisar 100% as atividades do IML, apenas os cadáveres serão removidos das ruas da cidade.

Cerca de 192 peritos criminais trabalham no órgão para a identificação humana – civil e criminal.

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.