Compartilhe este texto

Pacientes homenageiam médico amazonense que morreu em viagem de lua de mel

Por Portal do Holanda

26/04/2022 10h22 — em
Amazonas


Glauto morava e trabalhava no Piauí - Foto: Reprodução

Manaus/AM – Paciente e amigos do médico amazonense Glauto Tuquarre, 49, que morreu em um avião a caminho das Maldivas, onde passaria a lua de mel com a esposa, prestaram homenagens ao profissional em, seu perfil no Instagram.

Glauto trabalhava como oncologista em um hospital na cidade de Teresina, no Piauí e era conhecido pelo jeito carismático com que tratava os pacientes e por gestos generosos.

Em uma das homenagens, uma mulher conta que o médico a atendeu gratuitamente quando ela ficou sem plano de saúde e ressalta toda a dedicação durante seu tratamento:

"Quando não tive mais plano de saúde, ele me atendeu gratuitamente na clínica e me encaminhou para eu continuar meu tratamento em uma unidade de assistência. Só tenho gratidão por ter cuidado de mim", escreveu Cibele Macêdo.

Outra paciente, Lane Carvalho, lamenta a morte e diz que superou o câncer de mama com a ajuda de Glauto. Ela elogia o médico que a acompanhou por 5 anos: "Não era só um grande médico oncologista, não era só o médico que me acompanhou nesses quase cinco anos de luta contra um CA, era um ser humano incrível, de coração lindo, um amigo, brincalhão, risonho, das caronas e conselhos. Sempre será o meu médico maluco, o melhor. Descanse em paz. Saudades" .

"Obrigada por todo apoio no tratamento do meu pai. Não tenho dúvidas que você foi um anjo que Deus enviou para nossas vidas", publicou Jéssyca Veloso, filha de um dos pacientes do amazonense.

“Mais que um médico, um amigo. Sempre muito solícito. Meu maior apoiador na luta contra o câncer", escreveu Lindia Kaliane.

Glauto havia casado no último sábado (23), e na segunda-feira (25), embarcou com a esposa em um voo internacional para as Maldivas, mas sofreu um infarto no avião e morreu no trajeto.

A esposa ainda tenta realizar o translado do corpo do Catar, onde o avião fez parada, para o Brasil.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Amazonas

+ Amazonas