Siga o Portal do Holanda

Caminhada de Conscientização

Manaus já registra 81 denúncias de abuso e exploração sexual de crianças em 2019

Publicado

em

Foto: Altemar Alcântara / Semcom

Manaus/AM - Dezenas de crianças e adolescentes de escolas municipais e estaduais foram às ruas, levantando cartazes e faixas, na Caminhada em Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantojuvenil, promovida pela Prefeitura de Manaus, nesta sexta-feira (24), pelas ruas do Japiim, zona Sul.

O ato foi organizado pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc). O evento marca o dia 18 de maio, data em que é firmada a luta contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Alunos da rede estadual e municipal, acompanhados dos pais e professores, crianças e adolescentes do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), conselheiros tutelares, profissionais da Secretaria Estadual de Assistência Social (Seas), e a população que passava pelo local, caminharam em prol do combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Nas ruas, o material informativo foi distribuído aos moradores e à população do entorno, sensibilizando e orientando quanto às violações dos direitos das crianças, divulgando os canais de denúncias e da rede de proteção.

Dados

Dados de janeiro a abril deste ano apontam que estão sendo acompanhados pelos Creas, 81 casos de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Os disques-denúncias do município registraram 31 casos de abusos e dois de exploração sexual infantojuvenil.

“Temos o conselho tutelar, Saúde, Educação e toda a rede de proteção para defender e empoderar as crianças e adolescentes, para que saibam se defender e onde recorrer, caso aconteça a violência”, afirmou a chefe de divisão de média complexidade da Semasc, Ana Lúcia.

Denúncias

A rede de proteção possui três canais de comunicação para quem sofrer ou conhecer qualquer situação de violação de direitos envolvendo crianças e adolescentes: Disque Direitos Humanos - 0800 092 6644; Disque Denúncia - 0800 092 1407 e Disque Direitos Humanos Nacional - 100.

O depoimento da primeira dama

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

HORA do H: DRA. MÔNICA BANDEIRA DE MELO, MÉDICA GINECOLOGISTA FCECON


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.