Zumbido no ouvido pode indicar problemas mais graves

Por Estadão Conteúdo / Portal do Holanda

16/10/2020 7h06 — em Saúde e Bem-estar

Apito ou chiado que incomoda muito, o zumbido exige cuidado e investigação, pois pode estar associado a outros problemas de saúde, como perda da audição, por exemplo. O sintoma atinge cerca de 15% dos brasileiros. Por isso, é necessário contar com a ajuda de um médico especializado para realmente identificar a causa e, assim, dar início ao tratamento necessário.

Alerta

O apito ou chiado pode incomodar durante todo o dia. No entanto, ele é mais perceptível à noite. Normalmente, o paciente fica mais incomodado com o problema antes de dormir, já que o ambiente costuma estar mais silencioso.

O problema costuma ser identificado também após ouvir música com um volume elevado ou ao frequentar ambientes barulhentos. Em alguns casos, o sintoma vai embora após alguns minutos de descanso. Em outras situações, porém, isso não ocorre.

Independentemente da situação, é importante saber que ouvir o apito não é uma situação normal. Por isso, é necessário investir a causa.

Aliás, o problema pode afetar indivíduos de diferentes faixas etárias, tanto homens quanto mulheres. Cada pessoa lida com o sintoma de uma forma diferente. Há quem fique muito incomodado com o zumbido. Alguns podem praticamente ignorar o som.

Em alguns casos, o paciente enfrenta até mesmo dificuldade para dormir ou para se concentrar nas tarefas do dia a dia. O sintoma também pode causar problemas sociais. Isso porque a pessoa acaba evitando lugares barulhentos por conta do aumento do chiado. Dessa forma, é muito importante consultar um médico logo no início.